Sobre fatos & fotos

Quando eu era criança, no sítio, me “tocava” no meio do mato e me deparava com cenários incríveis… Fechava e abria os olhos várias vezes até memorizar a “pintura divina”.  Até que de olhos fechados eu lembrasse cada detalhe. Eu guardava na memória, com sons, cheiros e emoção! Lembro de um antológico banho de chuva no potreiro, em um primeiro de janeiro, lembro da prévia de um temporal equilibrada em um toco-ponte no riacho…lembro de meu parceiro beija flor na cama que eu armava na saudosa goiabeira….
                Dizem que os melhores momentos não têm foto. Talvez seja assim mesmo. Eu, como professora de fotografia que fui, me custa e dói um pouco mais admitir, mas é verdade.

Está certo que as imagens valem mais do que mil palavras, mas há que se recordar que mesmo “mais que mil palavras”, de nada elas valem sem atos. Atos concretos. Ação. Ando (e pedalo!) pelas ruas  e vejo pessoas sorrindo para um celular e fechando a cara para o próximo, fechando a cara para a vida. Eu mesma, muitas vezes me flagro nervosa quando acaba a bateria e eu não posso mais fotografar. Parece que registrar é mais importante que viver…
Se não for para guardar na pele – ao invés do cartão de memória – será que está valendo?

Eu pergunto e também respondo. Acho que sim. Os sonhos são o que de mais lindo temos e não estão ao alcance de um “click”.  É bom termos fotos para recordar, o brilho de um momento refletido nos olhos, mas….quem olha todas o tempo todo? Ah! Como seria bom se todas as pessoas sorrissem para a vida como sorriem para a selfie… Que o exercício esteja valendo. Que ao pensar o que fica melhor na foto, que as pessoas comecem a exercitar o que fica melhor na vida!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s